Dr. Lísias Nogueira Castilho - Urologista | Fone: (19)32540225 / 3112-4600

Dra. Silvia Diez Castilho - Pediatra | Fone: (19)25136091

Artigos

Febre amarela. Dose única ou duas doses?

 

febre-amarela-vacina

As epidemias de febre amarela no Brasil estão registradas desde o século XVII pelos historiadores. Diante do atual surto de febre amarela no país, as autoridades do Ministério da Saúde decidiram o seguinte:

1-A vacina da febre amarela pode ser dada uma única vez e não é necessário o reforço dez anos depois. Essa norma foi adotada agora, depois de uma recomendação nesse sentido feita em 2014 pela Organização Mundial da Saúde. Isso significa que uma pessoa vacinada contra a febre amarela no passado, em qualquer tempo, não precisa receber nova dose diante desta ou de qualquer outra epidemia. Está protegida por toda a vida. Não deverá ser revacinada, a menos que tenha que viajar para o Exterior, para os locais que exigem a vacina atualmente, e não tenha o certificado internacional em mãos. 

2-Caso a epidemia avance e faltem vacinas, há uma estratégia em elaboração, que consiste em dividir uma vacina normal em cinco doses iguais. Esse fracionamento beneficiaria cinco pessoas, em vez de uma só, mas a proteção conferida seria de apenas um ano. Essa medida de fracionar as doses e multiplicar por cinco o estoque disponível, está sendo preparada, para uma emergência, mas talvez nunca seja usada, segundo o ministro da Saúde, Ricardo Barros.

Até agora foram relatados cerca de 1000 casos de febre amarela no país, nos últimos meses, sendo 600 confirmados e 400 sob investigação. Ocorreram cerca de 250 mortes, praticamente todos causados pela febre amarela silvestre. Se a febre amarela chegar à região urbana, onde vive o mosquito Aedes aegypti, o panorama mudará rapidamente. Poderemos ter, sem a vacinação em massa, milhares de mortes em poucas semanas. É por causa dessa perspectiva assustadora que o Ministério da Saúde tomou as medidas referidas e se prepara para um esquema emergencial de vacinação maciça da população.

Imprimir Email

0
0
0
s2sdefault