Back

Bronquite aguda

Bronquite aguda

A bronquite aguda é geralmente causada por infecções virais no trato respiratório superior.

Os sintomas são tosse, que pode ou não produzir muco (escarro).

O diagnóstico se baseia principalmente nos sintomas.

Tratamentos, como medicamentos para reduzir a tosse e a febre, podem ser usados para deixar a pessoa mais confortável até o episódio terminar.

Os antibióticos são raramente necessários.

 

Tipos de bronquite

Uma bronquite pode ser:

  • Aguda
  • Crônica

No casa da bronquite aguda geralmente dura de alguns dias a poucas semanas. A bronquite que dura meses ou anos é geralmente classificada como bronquite crônica. Quando as pessoas dizem “bronquite”, elas geralmente querem dizer bronquite aguda, e apenas a bronquite aguda é abordada aqui.

Quando pessoas com bronquite crônica apresentam diminuição do fluxo respiratório dos pulmões quando expiram (obstrução do fluxo de ar), elas são consideradas como tendo uma doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC). Se as pessoas com DPOC ou outra doença pulmonar crônica, como bronquiectasia ou fibrose cística, desenvolverem sintomas de bronquite aguda, os médicos consideram isso uma exacerbação da doença subjacente em vez de bronquite aguda.

Causas

A bronquite aguda é causada por infecções causadas por:

  • Vírus (mais comum)
  • Bactérias

Compreendendo a bronquite

Na bronquite, áreas das paredes dos brônquios ficam inflamadas e inchadas, aumentando a produção de muco. Como resultado, ocorre estreitamento da passagem de ar.

Compreendendo a bronquite

A Bronquite ocorre mais frequentemente durante o inverno.

Já a bronquite viral pode ser causada por uma variedade de vírus comuns, incluindo o vírus influenza e o vírus que causa o resfriado comum. Mesmo depois de curada uma infecção viral, a irritação causada por ela continua a produzir sintomas por semanas.

As bactérias causam menos de um em cada 20 casos de bronquite. A infecção pelo Mycoplasma pneumoniae, Chlamydia pneumoniae e Bordetella pertussis (que causa a tosse comprida) estão entre as bactérias que causam bronquite aguda. As causas bacterianas de bronquite aguda são mais prováveis quando muitas pessoas em uma mesma área são afetadas ao mesmo tempo (um surto).

Em adultos a tosse  tem muitas causas, além da bronquite aguda. A tosse em crianças tem causas similares à dos adultos.

 

Bronquite Sintomas

As infecções que causam bronquite aguda normalmente começam com os sintomas de um resfriado comum: corrimento nasal, dor de garganta e fadiga. Após vários dias, começa a tosse (geralmente seca no início). As pessoas podem tossir quantidades pequenas de muco fino e branco. Esse muco muitas vezes tem sua coloração alterada de branco para verde ou amarelo e se torna mais espesso. Ocasionalmente, o escarro contém uma pequena quantidade de sangue. Nem a mudança de cor nem a presença de sangue indicam uma infecção bacteriana. Essa mudança de cor significa apenas que as células associadas à inflamação moveram-se para as vias aéreas e estão alterando a coloração do escarro.

Geralmente as pessoas  não apresentam febre alta ou calafrios, a menos que a bronquite tenha sido causada por uma infecção mais séria, como a gripe.

 

Você sabia que…

Como a bronquite pode, temporariamente, estreitar as vias aéreas, as pessoas podem desenvolver sibilos e/ou falta de ar, semelhante ao que acontece em uma crise de asma.

A bronquite aguda em si não causa complicações sérias. No entanto, algumas infecções que causam bronquite, como a gripe, pode levar à infecção do tecido pulmonar (pneumonia), geralmente apenas em pessoas mais velhas ou que tenham problemas com suas defesas imunológicas.

Diagnóstico

  • Avaliação médica
  • Ocasionalmente, radiografia torácica

Os médicos costumam diagnosticar bronquite aguda com base nos sintomas. Os médicos podem fazer uma radiografia do tórax para procurar pneumonia se ouvirem congestão nos pulmões, ou se as pessoas tiverem febre alta ou prolongada ou falta de ar.

Raramente os médicos  fazem testes para descobrir a causa da bronquite aguda, e exames de sangue não são úteis. No entanto, se a tosse persistir por mais de 2 semanas, é feita uma radiografia do tórax para confirmar que não houve o desenvolvimento de pneumonia ou que uma doença pulmonar diferente não está causando a tosse.

Tratamento

Tratamentos para aliviar os sintomas.

As pessoas podem tomar paracetamol ou ibuprofeno para aliviar a febre e a sensação de mal-estar geral e devem beber bastante líquido.

Os antibióticos não funcionam em casos de bronquite viral. Como a maior parte das bronquites agudas é viral, os médicos administram antibióticos somente quando a infecção é claramente causada por bactérias (por exemplo, durante um surto). Quando um antibiótico é usado, em geral, os médicos prescrevem um medicamento como azitromicina ou claritromicina.

Em crianças, sintomas muito leves podem ser aliviados com umidificadores de vapor frio ou vaporizadores. Crianças e adultos que apresentam sibilos podem se beneficiar de broncodilatadores inalatórios, que ajudam a abrir as vias aéreas e reduzir os sibilos.

Os medicamentospara tosse podem ser usados para suprimir uma tosse que interfere com o sono. Entretanto, o grau de eficácia destes medicamentos não está claro. Expectorantes de venda livre podem ajudar a fluidificar as secreções, facilitando a expectoração, mas não se sabe ao certo se esta medida é útil. Em geral, não se recomenda antitussígenos e expectorantes para crianças pequenas.

Fonte: Por Sanjay Sethi, MD, University at Buffalo SUNY traduzido por Momento Saúde