Back

Usando a telemedicina

Usando a telemedicina

A telemedicina é o atendimento à saúde prestado à distância, geralmente por telefone ou internet. Embora as visitas presenciais tenham várias vantagens, a telemedicina é uma alternativa valiosa quando as visitas presenciais são inseguras ou inviáveis.

Os avanços da tecnologia possibilitaram aos médicos interagir com seus pacientes quando eles não podem ou não devem se encontrar pessoalmente.

Como é feita o atendimento por telemedicina

A telemedicina envolve o uso de:

  • Chamadas de telefone
  • Mensagens de texto
  • E-mails (geralmente enviados por meio de um portal do paciente – um site seguro onde os registros eletrônicos do paciente, incluindo prescrições, histórico de saúde e resultados de exames laboratoriais, são mantidos)
  • Chats de vídeo usando a internet

Nem todos os médicos estão preparados para fornecer telemedicina e nem todas as condições médicas podem ou devem ser tratadas remotamente. (Tele saúde é o termo usado para descrever uma gama mais ampla de serviços não clínicos usados ​​para dar suporte à telemedicina.)

As pessoas precisam ter equipamentos, serviços e software necessários para usar a telemedicina. Ao marcar uma consulta de telemedicina, alguém do consultório médico irá verificar se o paciente tem alguns ou todos os seguintes: um telefone, serviço de internet confiável e um smartphone ou computador capaz de suportar qualquer aplicativo que o consultório use para configurar consultas médicas remotas .

O consultório médico provavelmente pedirá ao paciente para testar a conexão antes que a consulta virtual ocorra. O escritório também pode estabelecer um plano de backup caso a conexão principal falhe. Por exemplo, um chat de vídeo pode dar errado se o áudio ou vídeo falhar, caso em que pode ser necessário continuar a sessão por telefone.

A pessoa ou um membro da equipe de saúde pode precisar visitar o portal do paciente antes da consulta virtual, antecipadamente ou como parte do procedimento de check-in; às vezes é feito durante a visita também.

A utilidade da telemedicina

A telemedicina pode ser útil para pessoas que têm:

  • Acesso limitado a cuidados de saúde, incluindo aqueles que vivem em áreas rurais ou longe do consultório médico.
  • Dificuldade de movimento, como aqueles com doença de Parkinson ou outros problemas de mobilidade.
  • Brasileiros que estão no exterior e querem ser atendido por Médicos brasileiros para poder entender qual é o diagnóstico.
  • Transporte limitado ou sem transporte
  • Um distúrbio ou situação (por exemplo, uma epidemia viral como a covid-19) que torna uma visita pessoal insegura.
  • O atendimento tem mais agilidade bem como o diagnóstico.

Portanto algumas condições médicas são mais adequadas para o gerenciamento de telemedicina do que outras. Condições com pacientes de doenças crônicas, autoimune que requerem monitoramento frequente, como pressão sanguínea e açúcar no sangue, elas  podem ser tratadas com a telemedicina. As pessoas podem compartilhar e discutir os dados que coletam em casa durante a consulta virtual. Eles também podem registrar esses dados no portal do paciente para que o médico os analise antes da consulta.

Qual á a utilidade do  portal do paciente

O portal do paciente é útil de outras maneiras. Por exemplo, as pessoas podem solicitar ou obter informações de saúde armazenadas eletronicamente no portal do paciente, em vez de esperar que o consultório médico ligue com as informações. Algumas condições, como erupções cutâneas específicas (por exemplo, herpes), podem ser diagnosticadas usando vídeo de telemedicina ou fotografias transmitidas.

Para os médicos, a telemedicina é útil para determinar quando uma visita ao consultório é absolutamente necessária. Durante uma crise de saúde pública que envolve uma doença infecciosa, como a pandemia COVID-19, as unidades de saúde procuram limitar o risco de exposição a profissionais de saúde e pacientes.

A telemedicina fornece à equipe de saúde avisos com antecedência suficiente para se preparar para atender com segurança às necessidades individuais dos pacientes, ao mesmo tempo que adere aos protocolos que protegem os próprios profissionais de saúde e também os outros. Os médicos podem ajudar a determinar a uma distância segura.

  • Se uma condição não precisa de intervenção (por exemplo, o resfriado comum ou um caso assintomático ou leve de COVID-19)
  • Quando um condição precisa ser confirmada por um teste ou tratada pessoalmente (por exemplo, uma dor de garganta que precisa ser cultivada ou um caso suspeito de COVID-19 que requer teste ou tratamento)
  • Se uma condição requer atendimento imediato ou urgente em um ambiente hospitalar.

Como aproveitar ao máximo a telemedicina

Tirar o máximo proveito da telemedicina é como tirar o máximo proveito de qualquer consulta médica , com algumas considerações adicionais.

É importante testar a tecnologia antes da visita virtual agendada. Dessa forma, há tempo para resolver quaisquer problemas.

Pode ser necessário que as pessoas atualizem sua tecnologia para atender às demandas da telemedicina (por exemplo, aumentando a largura de banda da Internet).

Pode ser útil fazer alguns preparativos para a visita específica (por exemplo, tirar e enviar fotos de uma erupção cutânea) Ou enviar algum exame.

No final de uma sessão de telemedicina, o médico pode recomendar uma outra especialidade para um tratamento multidisciplinar para sim ter um tratamento adequado.

Portal de telemedicina

O Hospital Consulta Online (HCO) é um portal especializado em telemedicina que tem como objetivo ajudar empresas, médicos e pacientes a se conectarem através de nossa tecnologia.

Possui uma solução global de telemedicina que conecta médicos a pacientes dando agilidade e praticidade ao atendimento e monitoramento.  Onde o atendimento remoto e acompanhamento continuado dos pacientes são feitos por diversos médicos e clinicas selecionadas. E você tem a possibilidade de escolher por quem quer ser atendido de forma online e rápida.

Para acessar é só clicar no link!

https://hospitalconsultaonline.com/