Últimas notícias:

Tratamento de pacientes com asma grave

A asma grave é uma condição respiratória que exige um tratamento especializado e uma abordagem cuidadosa para garantir a qualidade de vida dos pacientes. Este artigo explora as estratégias eficazes para o tratamento da asma grave, abordando desde a compreensão da condição até a implementação de cuidados diários.

Compreendendo a Asma Grave: Uma Visão Geral

A asma grave é uma forma mais intensa de doença respiratória crônica, caracterizada por sintomas persistentes e frequentes, mesmo com o uso de medicamentos ocasionais. É crucial para que os pacientes e profissionais de saúde entendam a natureza da asma grave, incluindo os fatores desencadeantes e as complicações associadas.

A Importância do Diagnóstico Preciso e Monitoramento Regular

O diagnóstico correto é a base para um tratamento eficaz. Profissionais de saúde devem realizar uma avaliação abrangente, incluindo testes de função pulmonar e análise dos sintomas do paciente. O monitoramento regular é vital para ajustar o plano de tratamento de acordo com as necessidades individuais.

Plano de Tratamento Personalizado

Cada paciente com asma grave requer um plano de tratamento personalizado, desenvolvido em colaboração entre o paciente e sua equipe de saúde. Isso pode incluir medicamentos mais potentes, terapias biológicas e estratégias de manejo específicas para prevenir e controlar os sintomas.

Medicamentos para prevenir e tratar a asma

O uso de medicamentos permite que a maioria das pessoas com asma levem uma vida relativamente normal. A maioria dos medicamentos usados para tratar as crises de asma podem ser usados (muitas vezes em doses mais baixas) para evitá-las.

A terapia é baseada em duas classes de medicamentos:

  • Medicamentos anti-inflamatórios
  • Broncodilatadores

Os medicamentos anti-inflamatórios suprimem a inflamação que estreita as vias aéreas. Os medicamentos anti-inflamatórios incluem corticosteroides (que podem ser inalados ou tomados por via oral ou intravenosa), modificadores dos leucotrienos e estabilizadores de mastócitos.

Broncodilatadores ajudam a relaxar e alargar (dilatar) as vias aéreas. Broncodilatadores incluem medicamentos beta-adrenérgicos (tanto para alívio rápido dos sintomas como para controle em longo prazo), anticolinérgicos e metilxantinas.

Outros tipos de medicamentos que alteram diretamente o sistema imunológico (chamados imunomoduladores) são usados algumas vezes em pessoas com asma grave, mas a maioria das pessoas não precisa de imunomoduladores.

Fonte: Por Victor E. Ortega, MD, PhD, Mayo Clinic Arizona;
Manuel Izquierdo, DO, Wake Forest Baptist Health traduzido por Momento Saúde

Pesquisar

Advogados

Podcast

Categorias

Newsletter