Back

Dermatite seborréica

Dermatite seborréica

A dermatite seborréica é uma inflamação crônica que causa a formação de escamas amareladas e oleosas e caspa em áreas da pele que apresentam um grande número de glândulas seborréicas, como couro cabeludo e rosto, ao longo da linha do cabelo, ao redor das orelhas e, ocasionalmente, em outras áreas.

A causa da dermatite seborréica é desconhecida, mas o número de leveduras Malassezia , um organismo normalmente presente na pele e a reação de uma pessoa a elas desempenham algum papel. A dermatite seborréica ocorre com mais frequência em bebês, geralmente nos primeiros 3 meses de vida, adolescentes e naqueles com 30 a 70 anos.

O risco e a gravidade do distúrbio parecem ser afetados por fatores genéticos, geralmente ocorrem em famílias e pioram em climas frios. A dermatite seborréica pode ser mais comum e mais grave entre pessoas com distúrbios neurológicos (especialmente doença de Parkinson ) e entre pessoas com HIV / AIDS .

Sintomas de dermatite seborréica

A dermatite seborreica geralmente começa gradualmente, causando descamação seca ou oleosa do couro cabeludo (caspa), às vezes com coceira, mas sem queda de cabelo. Em casos mais graves, protuberâncias escamosas amareladas a avermelhadas aparecem ao longo da linha do cabelo, atrás das orelhas, nas sobrancelhas, nas dobras da pele nas laterais do nariz e no peito.

Dermatite seborréica (face)
Dermatite seborréica (face)

 Detalhes ocultos

Esta foto mostra dermatite seborréica afetando as sobrancelhas, a ponte do nariz e dobras de pele nas laterais do nariz.

Imagem fornecida por Thomas Habif, MD.

Em bebês com menos de 1 mês de idade, a dermatite seborreica pode produzir uma erupção cutânea espessa, amarela e com crosta (crosta) e, às vezes, descamação amarela atrás das orelhas e espinhas vermelhas no rosto. Freqüentemente, uma erupção persistente na fralda acompanha a erupção do couro cabeludo.

Dermatite seborréica (tampa do berço)
Dermatite seborréica (tampa do berço)

 Detalhes ocultos

Esta foto mostra o gorro de berço com erupção e vermelhidão no couro cabeludo espesso, amarelo e com crosta.

Biophoto Associates / SCIENCE PHOTO BIBLIOTECA

Crianças mais velhas e adultos podem desenvolver erupção cutânea no couro cabeludo espessa, tenaz e escamosa, com grandes escamas de pele.

Diagnóstico de Dermatite Seborreica

  • A localização e aparência da pele afetada

Os médicos baseiam o diagnóstico de dermatite seborréica na localização e na aparência da pele afetada.

Tratamento da dermatite seborréica

Adultos e crianças mais velhas

Em adultos e crianças mais velhas, o couro cabeludo pode ser tratado com um xampu contendo o antifúngico cetoconazol . O cetoconazol ajuda a controlar as leveduras da Malassezia . Um shampoo de cetoconazol deve ser usado duas vezes por semana até que os sintomas sejam controlados e, a seguir, uma vez por semana depois disso. Shampoos contendo piritiona de zinco, sulfeto de selênio , ácido salicílico e enxofre ou alcatrão também são eficazes no controle da caspa e devem ser usados ​​diariamente ou em dias alternados até que a caspa seja controlada e duas vezes por semana depois disso.

Se os shampoos não aliviarem a coceira, as pessoas podem aplicar uma solução de corticosteroide no couro cabeludo. A dermatite seborreica nas áreas da barba e das sobrancelhas é tratada de forma semelhante à dermatite seborreica do couro cabeludo.

Os corticosteróides tópicos também são usados ​​na cabeça e em outras áreas. Em áreas da face, apenas corticosteróides leves, como creme de hidrocortisona a 1 a 2,5% , devem ser usados. Mesmo corticosteróides leves devem ser usados ​​com cautela, porque o uso a longo prazo pode tornar a pele mais fina e causar outros problemas. Creme de cetoconazol ou outro creme antifúngico pode ser administrado em casos leves. Os inibidores da calcineurina ( pimecrolimus e tacrolimus ) também são usados, particularmente quando a terapia de longo prazo é necessária e os antifúngicos isolados não são suficientemente eficazes.

Freqüentemente, o tratamento deve ser continuado por muitas semanas. Se a dermatite seborreica retornar após a interrupção do tratamento, o tratamento pode ser reiniciado.

Bebês e crianças pequenas

Em bebês, o couro cabeludo pode ser lavado diariamente com shampoo suave para bebês, e 1 a 2,5% de creme de hidrocortisona ou óleo de fluocinolona podem ser esfregados no couro cabeludo ou no rosto. Cremes antifúngicos como cetoconazol a 2% ou econazol a 1% podem ser úteis em casos graves. Para crianças pequenas com erupção cutânea espessa e escamosa no couro cabeludo, óleo mineral, azeite de oliva ou um gel ou óleo de corticosteróides podem ser esfregados suavemente na área afetada com uma escova de dentes macia na hora de dormir. O couro cabeludo é lavado diariamente até que as escamas espessas desapareçam.

Sempre que apresentar sintomas parecidos procure um Médico Dermatologista para indicação do tratamento correto.

Fonte: Por Thomas M. Ruenger, MD, PhD, Georg-August University of Göttingen, Alemanha traduzido por Momento Sáude